23.10.07

Poemas para se ler a qualquer hora (no meu caso, foi à noite)

Publico abaixo a mensagem que eu mandei pro Augusto (de Guimaraens Cavalcanti, d'Os Sete Novos), comentários sobre o livro dele, "Poemas para se ler ao meio-dia", que ele me deu há meses atrás e só agora eu devorei inteiro:

Augusto, vc é um excelente poeta! Poeta de imagens fortes e belas, mesmo as feias e trágicas, belíssimas em seu horror ou tragicidade, "como dois pássaros se chocando em pleno vôo"!... Te digo isso agora porque só agora li teu livro inteiro, do início ao fim. Até então só tinha lido alguns poemas selecionados ao acaso... Uns de que tinha gostado muito, como o Capa de abismo, que eu já tinha até te falado. Mas mergulhar no livro inteiro de uma só vez é uma experiência bem mais intensa! Seus poemas são como cinema. Cinema experimental bom. Não historinhas. Mas imagens. Um mosaico de sensações. Pra vc ter uma idéia, li marcando as páginas dos poemas que mais gostei, e tenho quase metade do livro marcado! Várias dobrinhas nos topos das páginas... E eu que só ia ler o que vc fez pro Zé Celso, pensando em pôr no meu blogue, tô agora extasiada... pensando em pôr vários no blogue, mas acho que só vou publicar esta carta. Aí quem quiser pega o livro e lê inteiro, que é mais gostoso. E também o belíssimo "tempo" que vc fez parar no teu blogue, suspenso. Queria te dar um abraço agora, mas daqui não te alcanço. Então dorme, ou acorda, ou receba um outro dia, quando abrir esta mensagem, os meus beijos virtuais,
Bia

3 comentários:

jupyhollanda disse...

Adorei o livro dele tbm...
Como vc fiquei extasiada com alguns poemas e o movimento, os frames, os cut´s, os fades, "os kill"... tbm ví tudo como cinema.

By the way, outro dia pedi o e-mail dele e anotei errado... depois vc me passa?

Bjos

Juju

a atendente disse...

procurando por chacal, cheguei até aqui e encontrei tanta TANTA coisa boa... agora vou procurar nas livrarias da vida o livro do augusto e tenho certeza d q o mesmo irá acontecer: só coisas boas. só. beijo virtual pra você.

Beatriz Tavares disse...

Opa, obrigada! E volte sempre... O livro do Augusto foi editado pela 7 Letras. Vale muito a pena! Beijos!